19/11/2017

Enquanto dormimos ministro quer implantar ideologia de gênero sem o aval do “Congresso”

O ensino da Ideologia de Gênero foi rejeitado em quase todas as Assembleias Legislativas do Brasil, assim como pelo Congresso Nacional e diversas câmaras municipais. Talvez seja por isso que Mendonça Filho resolveu alterar de forma autoritária a BNCC.
Filipe Barros, político londrinense, denunciou “é a doutrinação oficial do Governo para todo mundo. É a carta na manga que eles tem contra o Escola Sem Partido e pra implementar em todas as escolas o ensino da ideologia de gênero“. 
Ele se refere a nova BNCC, Base Nacional Curricular Comum, que está prestes a ser decretada pelo Ministro da Educação José Bezerra Mendonça Filho.
Depois de anos de mobilização da sociedade civil em prol de programas como o Escola Sem Partido, de iniciativa de Miguel Nagib, a população está prestes a levar um golpe: Se entrar em vigor, todas as batalhas contra a Ideologia de Gênero e a doutrinação marxistas nas escolas terão sido em vão.
O ensino da Ideologia de Gênero foi rejeitado em quase todas as Assembleias Legislativas do Brasil, assim como pelo Congresso Nacional e diversas câmaras municipais. Talvez seja por isso que Mendonça Filho resolveu alterar de forma autoritária a BNCC.
“Querem aprovar isso [a nova BNCC] através de um projeto de resolução do MEC. O projeto de resolução é pra tratar de questões internas, não serve pra isso. Obviamente que a decisão tem que ser do Congresso Nacional e não de uma canetada do ministro”, esclarece Filipe Barros.
Para quem tem dúvidas, Orani Tempesta esclarece: “A Ideologia de Gênero prega, em suma, que nós mesmo nascendo com um sexo biológico definido (homem ou mulher), além dele, existe o sexo psicológico ou o gênero que poderia ser construído livremente pela sociedade na qual o indivíduo está inserido e não em conformidade com a Biologia. Desse modo, em última análise, não existiria uma mulher ou um homem naturais. Ao contrário, o ser humano nasceria sexualmente neutro, do ponto de vista psíquico, e seria constituído socialmente homem ou mulher. Essa teoria faz parte de um conjunto maior de ideias que se destinam a descontruir a sociedade atual em vista de uma anarquia geral. É isso o que se pretende ensinar nas escolas de todo o Brasil, de acordo com a Base Nacional Curricular Comum, do Ministério da Educação e Cultura.”
Ministro da Educação José Bezerra Mendonça Filho [Foto: google imagens]
Resta saber se Mendonça Filho seguirá com seu projeto 1) irregular, pois a prerrogativa para decidir tal mudança é do Congresso Nacional; 2) imoral, pois vai contra o que a maioria da sociedade acredita.
Por: Gomes Silva
Com informação de odiarionacional.com
Author Image

Anselmo Melo
Anselmo Melo, Carioca, casado e pai de três filhos (herança do Senhor). Pastor Evangélico e empresário. Moro atualmente no Estado de São Paulo onde pastoreio a Igreja de Nova Vida em Limeira. Sou fundador e presidente da Associação Projeto Resgate Vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante,
Você pode elogiar ou criticar, observe apenas:

1-Não publicamos criticas de ANÔNIMOS e nem comentários que não estejam relacionados com o assunto.

2-Baixarias e palavrões também não.

3-Nem todas as publicações são de minha autoria e o fato de estarem aqui não implica necessariamente em que eu concorde com todo o teor do post.

4- Quer ser respeitado? Mostre respeito!

Autor


Anselmo Melo, Carioca, casado e pai de três filhos (herança do Senhor). Pastor Evangélico e empresário. Presidente do COPEL, Conselho de Pastores Evangélicos de Limeira. Moro atualmente no Estado de São Paulo onde pastoreio a Igreja de Nova Vida em Limeira. Fundador e Presidente da Associação Projeto Resgate Vida.
Saiba mais →

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *