11/08/2017

Bebê de 4 meses morre no 1º dia em creche e IML revela a triste causa da morte

  • A bebê de 4 meses, Emanuelle Calheiros Maciel, estava passando pelo período de adaptação em creche em Campinas, SP. O período de adaptação duraria apenas 2 horas. A mãe a deixou na creche por volta às 13h e voltou para buscá-la às 15h.
  • A família registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil, no boletim foi registrado "morte suspeita". A Escola Casinha do Saber disse ao G1 que "nunca ocorreu um caso como este na creche."
  • Sono profundo

  • Uma hora depois de ter deixado a filha Emanuelle na creche, a mãe recebeu uma foto e mensagem de texto no celular que dizia: "Tia está fazendo ela dormir. Está bem, mamãe." Na imagem uma das funcionárias segura a criança.
  • Logo que a mãe chegou à escola para buscar sua filha, uma das funcionárias disse: "Mãe, ela está dormindo num sono muito profundo. É assim mesmo?" Ela correu para ver a filha, mas quando chegou encontrou a bebê já roxa.
  • Balançaram a criança para tentar reanimá-la, mas não funcionou.
  • Caminhando para o hospital

  • Segundo entrevista do tio da criança para o G1, a creche não conseguiu chamar uma ambulância e a mãe teve que levar a bebê a pé para o hospital, que fica duas quadras da creche.
  • "Chegou no hospital, os médicos tentaram de tudo, mas já estava em óbito. [...] A escola não fez nada, não ajudou em nada, não se colocou à disposição pra nada. Só pediram pra gente: 'me preocupo em sujar o nome da escola'", conta o tio.
  • O tio também diz que comprou um travesseiro antirrefluxo para a bebê e que a mãe deu o travesseiro para a funcionária da creche, mas quando eles viram o berço, o travesseiro não foi utilizado e o dono da escola não sabe explicar por quê.
    • O laudo do IML

    • O Instituto Médico Legal de Campinas apontou que a bebê Emanuelle foi vítima de sufocamento por alimento. Eles informaram que ocorreu uma "broncoaspiração maciça por alimento na creche".
    • "O termo 'maciça' indica que o volume do alimento foi muito grande. Houve uma sufocação total", descreve Edvaldo Messias Barros, diretor do Instituto de Criminalística (IC).
    • Segundo o tio ao G1, a escola apenas informou à mãe que a bebê não tinha tomado a mamadeira.
    • Sem alvará

    • A escola não possui alvará de funcionamento, segundo a Prefeitura de Campinas. Um fiscal notificou a escola para dar entrada na documentação de regularização. Se a escola não protocolar a documentação em 3 dias, a creche pode ser multada e intimada a fechar.
    • O que é broncoaspiração?

    • Broncoaspiração é quando a pessoa inala comida, ácido estomacal ou saliva para o pulmão. Broncoaspiração pode causar sufocamento e pneumonia. O líquido ou massa estranha pode conter bactérias que podem afetar o pulmão.
    • Os sintomas normalmente ocorrem dentro de 2 horas após a inalação:
      • Sibilância
      • Barulho ao respirar
      • Asfixia
      • Vômitos
      • Dor na garganta
      • Desconforto no peito
      • Febres noturnas
      • Tosse crônica
      • Salivação excessiva
    • O que fazer quando o bebê engasga?

    • BabyCenter informa alguns sintomas de engasgamento em bebês:
        • Pele azulada ou arroxeada
        • Esforço para respirar
        • Movimento de entrada de ar indetectável ou ausente
        • Eventual perda de consciência
      • Se o seu filho estiver tossindo ou com ânsia de vômito, deixe ele tossir. Isso é sinal de que as vias aéreas não estão totalmente bloqueadas e é a forma mais eficaz de limpar as vias aéreas.
      • Se o seu bebê engasgar, a primeira coisa a fazer é chamar o Samu (192) ou Corpo de Bombeiros (193). Enquanto espera o atendimento, segundo o BabyCenter, você pode:
        • Segure o bebê inclinando para frente e dê 5 palmadas nas costas dele com a mão aberta.
        • Coloque o bebê de barriga para baixo e faça duas compressões torácicas.
        • Se o bebê não expeliu o objeto que causou a asfixia, repita a operação.
    • Fonte: familia.com.br
    • Por Rachel De Castro
Author Image

Anselmo Melo
Anselmo Melo, Carioca, casado e pai de três filhos (herança do Senhor). Pastor Evangélico e empresário. Moro atualmente no Estado de São Paulo onde pastoreio a Igreja de Nova Vida em Limeira. Sou fundador e presidente da Associação Projeto Resgate Vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante,
Você pode elogiar ou criticar, observe apenas:

1-Não publicamos criticas de ANÔNIMOS e nem comentários que não estejam relacionados com o assunto.

2-Baixarias e palavrões também não.

3-Nem todas as publicações são de minha autoria e o fato de estarem aqui não implica necessariamente em que eu concorde com todo o teor do post.

4- Quer ser respeitado? Mostre respeito!

Autor


Anselmo Melo, Carioca, casado e pai de três filhos (herança do Senhor). Pastor Evangélico e empresário. Presidente do COPEL, Conselho de Pastores Evangélicos de Limeira. Moro atualmente no Estado de São Paulo onde pastoreio a Igreja de Nova Vida em Limeira. Fundador e Presidente da Associação Projeto Resgate Vida.
Saiba mais →

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *