Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

É pecado fazer uma tatuagem? Onde está escrito na Bíblia?

O uso da tatuagem começou a se intensificar faz uns 20 anos e olhávamos com restrições e não víamos com bons olhos as pessoas que usavam. A televisão nos mostrava pessoas com tatuagens enormes, cobrindo boa parte do corpo, com figuras exóticas e nome que não inspiravam nada de bom. Depois passou para as gangues de ruas, rapazes e moças começaram a usar, e alguns até exageravam e cobriam largos espaços da pele do corpo.
Reportagens de televisão alertavam do perigo, a contaminação na incisão, as tatuagens que não poderiam se tirar mais etc. Hoje seu uso se tornou mais generalizado e menos agressivo para boa parte dos usuários, entretanto a pergunta para nós tementes a Deus, permanece o que a Bíblia nos diz sobre este uso. Afinal é permitido ou não.
 O livro do Levítico 19,28 fala de tatuagem ou também marca.
 Para entender melhor e dar uma resposta à questão busquei duas traduções de Bíblias católicas e duas traduções protestantes e o que anotaram ao pé da página. Vai ser uma amostragem, poderíamos abordar muito mais:
Bíblia de Jerusalém assim traduziu do original:
"Não fareis incisões no corpo por algum morto e não fareis nenhuma tatuagem. Eu sou Iahweh...".
Comentário de rodapé: "Os vv. 27 e 28 proíbem os ritos de luto, considerados como marcados pelo paganismo (cf. ainda 21,5; Dt 14,1). Contudo, a sua prática é largamente confirmada (Is 3,24.....) e a referência deste rito em Ez 7,18 mostra que, apesar desta condenação, continuaram a ser praticados, talvez porque se lhes atribuía uma significação religiosa de caráter penitencial (cf. Is 22,12)".
A Bíblia da CNBB assim traduz o texto hebraico:
 “Não vos façais incisões no corpo por causa de um morto, nem marcas de tatuagem. Eu sou o Senhor”
Comentário de Roda pé: “Alusão a certa moda pagã”.
Thompson:
"Pelos mortos não fareis incisões no vosso corpo, nem fareis marcaalguma sobre vós Eu sou o Senhor...".
JFDA - ed. Revista e Corrigida
"Pelos mortos não dareis golpes na vossa carne; nem fareis marca alguma sobre vós...".
Olhando alguns dicionários de Teologia encontramos explicações para a palavra tatuagem ou também marcas, com significado importante. Vejamos o que este autor diz:
J. D. Douglas:
"Outra palavra que é geralmente traduzida como “marca” ocorre apenas uma vez na Bíblia: qa´qa. Sua etimologia é obscura, mas em Lv 19:28 provavelmente se refere a tatuagem que, juntamente com os ferimentos propositais na carne (isto é, “incisões”ou “lacerações”), os israelitas foram proibidos de fazer. Tal proibição provavelmente salienta o fato que essas marcas tinham associações pagãs e mágicas".
Fonte: O Novo Dicionário da Bíblia - Edição em 1 Volume ed. Vida Nova; pg.997-998

O autor Champlin na Enciclopédia de Bíblia, Teologia e Filosofia explica tatuagem desta forma: sua origem e do taitiano “tatau”, que significa "marca", "sinal". Provavelmente não tenha alusão direta à técnica da tatuagem, nas páginas da Bíblia.

Os tradutores da Bíblica de Jerusalém e CNBB, como vimos acima traduziram a palavra hebraica por tatuagem ao invés demarca que vamos encontrar nas traduções protestantes

A palavra “tatuagem – marca”, vamos encontrar uma única vez na Bíblia, os entendidos chamam este fato de Hapax legomena.
Só o contexto cultural nos fala a respeito da permissão ou não de fazer tatuagem.

A Bíblia mostra o fato da tatuagem, ou marca como sendo um costume pagão se auto-flagelar numa espécie de luto pelos mortos.
A interpretação deste versículo passa pela compreensão que a tatuagem nas nações pagãs se ligava aos ritos religiosos pagãos.
Fonte: "Enciclopédia de Bíblia, Teologia e Filosofia - Volume 6"; ed. Hagnos; pg.324-325.

Concluindo:
Portanto, o uso da palavra "tatuagem" na tradução do texto é apenas possibilidade, e não um absoluto. E, mesmo que fosse nesse caso "tatuagem" a palavra certa no contexto em que foi escrito o fato ele estava ligado os antigos rituais pagãos.
Penso que a proibição ou não de se fazer tatuagem hoje, buscando para isto inspiração bíblica, pode ser entendida da seguinte forma. Uma tatuagem que se identificam como hostil a Deus e a sua palavra deve ser rejeitada. Ou mesmo que lembrem organizações que praticam o mal deliberadamente. Ou que a tatuagem venha causar danos físicos a pessoa ou mesmo enfermidades. Agora um adolescente que faz uma tatuagem, colocando o nome de sua namorada, ou de alguém que o inspire, ou mesmo um símbolo que lembre algo bíblico ou da pratica do bem, não haveria razão de se armar uma confusão com este jovem.
 Fonte: ABíblia.org

0 comentários:

Real Time Web Analytics
Template personalizado por Elaine Gaspareto

TOPO ▲