Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Clube gay recria cena de decapitações do Estado Islâmico

Uma produtora de eventos recebeu muitas críticas por fazer uma alusão aos vídeos do Estado Islâmico que mostra decapitação de pessoas. A Drek, uma empresa que promove eventos gays, lançou um pôster mostrando dois homens em cenas similares às apresentas pelo EI.
Nele um homem vestido de laranja aparece de joelhos e ao lado outro homem de preto aparece de pé tendo a bandeira do EI tremulando ao fundo.

O pôster divulgava a festa “Drekistão no Haoman” que aconteceu no clube gay Haoman 17. Além da imagem, a descrição do evento também fez ligações com as atrocidades dos terroristas que estão destruindo a vida de milhares de pessoas no Iraque e na Síria.
O texto do pôster dizia algo como “com o novo Estado Islâmico crescendo no Oriente Médio, nós da Drek resolvemos nos render à lei da sharia e celebrar os teimosos Da’esh (nome do Estado Islâmico em árabe)”. Segundo o site O Globo, a palavra “teimosos” também pode significar “pescoço duro” o que ligaria a imagem ainda mais com as decapitações feitas pelo EI.
Por conta das críticas a imagem foi deletada do Facebook depois de gerar protestos dos usuários que consideraram a imagem como “nojenta”. A Drek faz parte do grupo israelense Imri Kalman que é dono de diversos clubes noturnos em Tel Aviv, incluindo o bar Shpagat considerado como o bar gay mais popular da cidade.

Fonte: Gospel Prime

0 comentários:

Real Time Web Analytics
Template personalizado por Elaine Gaspareto

TOPO ▲