26/09/2014

Clube gay recria cena de decapitações do Estado Islâmico

Uma produtora de eventos recebeu muitas críticas por fazer uma alusão aos vídeos do Estado Islâmico que mostra decapitação de pessoas. A Drek, uma empresa que promove eventos gays, lançou um pôster mostrando dois homens em cenas similares às apresentas pelo EI.
Nele um homem vestido de laranja aparece de joelhos e ao lado outro homem de preto aparece de pé tendo a bandeira do EI tremulando ao fundo.

O pôster divulgava a festa “Drekistão no Haoman” que aconteceu no clube gay Haoman 17. Além da imagem, a descrição do evento também fez ligações com as atrocidades dos terroristas que estão destruindo a vida de milhares de pessoas no Iraque e na Síria.
O texto do pôster dizia algo como “com o novo Estado Islâmico crescendo no Oriente Médio, nós da Drek resolvemos nos render à lei da sharia e celebrar os teimosos Da’esh (nome do Estado Islâmico em árabe)”. Segundo o site O Globo, a palavra “teimosos” também pode significar “pescoço duro” o que ligaria a imagem ainda mais com as decapitações feitas pelo EI.
Por conta das críticas a imagem foi deletada do Facebook depois de gerar protestos dos usuários que consideraram a imagem como “nojenta”. A Drek faz parte do grupo israelense Imri Kalman que é dono de diversos clubes noturnos em Tel Aviv, incluindo o bar Shpagat considerado como o bar gay mais popular da cidade.

Fonte: Gospel Prime
Author Image

Anselmo Melo
Anselmo Melo, Carioca, casado e pai de três filhos (herança do Senhor). Pastor Evangélico e empresário. Moro atualmente no Estado de São Paulo onde pastoreio a Igreja de Nova Vida em Limeira. Sou fundador e presidente da Associação Projeto Resgate Vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante,
Você pode elogiar ou criticar, observe apenas:

1-Não publicamos criticas de ANÔNIMOS e nem comentários que não estejam relacionados com o assunto.

2-Baixarias e palavrões também não.

3-Nem todas as publicações são de minha autoria e o fato de estarem aqui não implica necessariamente em que eu concorde com todo o teor do post.

4- Quer ser respeitado? Mostre respeito!