Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Homossexual introduz uma Pirambóia de mais de um metro no ânus e cirurgia para retirada é gravada - Veja !!!

Peixe que foi introduzido no ânus por um homossexual
Um vídeo com cenas de uma cirurgia realizada no Hospital Universitário (HU) de Londrina vazou na internet e nas redes sociais na tarde de ontem. O procedimento em questão era da retirada de um peixe, do tipo piramboia, - da família das enguias - do intestino de um homem que o havia introduzido no ânus. As imagens mostram o momento em que o peixe é retirado do abdômen e colocado envolto em um pano. O que chama a atenção, porém, é que na mesma sala várias pessoas aparecem portando aparelhos eletrônicos semelhantes a celulares com câmera. Uma mulher, inclusive, ri da situação enquanto grava a cena.
De acordo com a assessoria de imprensa da Universidade Estadual de Londrina (UEL), o procedimento foi realizado no dia 20 de abril e o homem já recebeu alta. Nádina Moreno, reitora da instituição, disse que assim que ficou sabendo que vídeos estariam circulando na internet por e-mails, já no dia 27 de abril, solicitou a abertura de uma portaria determinando a proibição de celulares dentro dos centros cirúrgicos e a investigação sobre o vazamento da filmagem feita sem autorização do paciente.

Este caso é apenas um entre tantos outros casos presentes no submundo homossexual.  A diferença é que este caso em especial ganhou ressonância na internet em virtude da filmagem.  Dezenas de outros passam simplesmente despercebidos.  A literatura médica é farta de relatos de homossexuais se entalando com garrafas, vasilhames, pepinos e até ratos para se divertir, de modo que não é surpreendente que este homossexual tenha se entalado com um peixe.  O Dr. Paul Cameron PHD revelou em artigo escrito há mais de duas décadas que "é também comum quando "brinquedos" são empregados (jargão homossexual para objetos que são inseridos no interior do reto) –garrafas, cenouras e mesmo roedores".

Há dois anos, um blog revelou "ratos que tiveram suas caudas cortadas, banhados na Vaselina e amarrados com uma corda" para serem introduzidos no ânus de psicopatas homossexuais canadenses.  Depois de suas bizarras diversões, acabam indo parar em mesas de cirurgia de hospitais públicos, para que os nossos tributos possam custear os efeitos funestos de suas diversões inconseqüentes. Depois, na maior cara-de-pau, os ativistas gays dizem que os homossexuais não causam mal algum à sociedade e que o que fazem é "amor".  Aí eu pergunto, isso daí é "amor"?
Os homossexuais querem respeito da sociedade, mas não se dão o respeito.  Pior: querem leis para tornarem indiscutíveis tais manifestações de "amor".   Enquanto homossexuais, são pessoas problemáticas se engajando em atividades perigosas.  O homossexualismo não agrega valor a quem quer que seja.  Pelo contrário, é uma mácula na reputação de quem pratica.

Homossexuais são dignos de respeito enquanto seres humanos e seus legítimos desdobramentos nas relações sociais: respeito enquanto cidadão, respeito enquanto contribuinte, respeito enquanto consumidor, respeito enquanto competidor, enfim, merecem respeito em todas relações não atinentes a sua infame prática sexual.

Por conta disso, uma determinada personalidade é respeitada pelos seus méritos em suas diferentes áreas de atuação.  Assim, Freddie Mercury, por exemplo, é digno de admiração pelo seu talento enquanto cantor, e não por suas práticas sexuais.

A embriaguez é, da mesma forma que o homossexualismo, uma prática anti natural.  Ninguém cogita respeito a uma pessoa embriagada, pois sua dignidade encontra-se plasmada na sua qualidade de ser humano e não em sua qualidade de embriagada.  Uma pessoa embriagada não somente perde respeito, como na prática é privada de alguns direitos, pois a embriaguez é tida como contravenção penal (art. 62 da LCP), e sabemos todos ser crime dirigir embriagado.  Trata-se de um comportamento moral e socialmente reprovável. 

Da mesma forma, portanto, que a embriaguez não dá ensejo a qualquer dignidade e direitos, muito pelo contrário, opera-se o mesmo com o homossexualismo.  Ambos não são comportamentos naturais,  Enfim, não bastasse a proliferação de AIDS estimulada por seu comportamento, ainda temos que suportar o ônus causado por diversões inconseqüentes como esta.

Já foi dito por vários Médicos que o ânus não foi feito em sua natureza para ser penetrado, portanto acaba tendo malefícios para a pessoa que tem essa prática como prazer. Nem vou tocar na questão religiosa, apenas que as pessoas reflitam se tais práticas é benéfica para a vida de um homem ou de uma mulher.
No vídeo abaixo veja onde pode chegar a loucura de um Gay e reflita se uma pessoa assim esta mentalmente, psicologicamente sadia..





ATENÇÃO !!
O vídeo abaixo é proibido para menores de idade. Se você tiver menos de 18 anos,
Não Veja !!!
E nem vá fazer isso em casa, o Blog não se responsabiliza pelos efeitos colaterais...

Nota: Eu não tenho coragem de publicar o que acabei de ver. É nojento e deprimente. Causa nojo em qualquer ser humano normal. Não aconselho que ninguém veja.
No vídeo um homossexual introduz no ânus um extintor de incêndio enquanto se masturba.
Pr Anselmo Melo

Fonte:Vini Silva  ( Preciso colocar a fonte mas não aconselho que vejam o outro vídeo)

11 comentários:

Alberto Couto Filho disse...

Pr. Anselmo
Paz
Que mundo é este em que ora vivemos?
Misericórdia, Senhor!
Alberto

Pr. Anselmo Melo disse...

Querido irmão Alberto. A medida da iniquidade do homem chegou ao fim. Maranata!!!!
Paz meu irmão.

Pb Fernando disse...

Meu Deus, até que ponto chega o pecado na vida de um sem o temor de Deus. E ainda querem que fiquemos calados diante de uma tamanha aberração dessas. Que Deus nosso Senhor tenha misericórdia de nossos filhos e os guarde desses sodomitas inveterados.

Rebeca S disse...

Fui pesquisar sobre um destrito chamado piramboia no estado de sp e me choco com tal noticia. Mas me choco ainda mais pela fonte.
Ate que ponto chega a ignorancia tambem, nao é?!
O sensacionalismo entao, esse vai longe. O intitulado por esse blog que se diz " pastor" prefere publicar noticias em que terao cliques de curiosos e desatarefados ou entao quem sabe mal resolvidos que adoram ler um tema com o titulo " homossexual".
É, foi-se o tempo em que pastores eram designados a espalhar o evangelho e cuidar do seu rebanho, espalhando o amor e as palavras de cristo as 4 ventos.
Foi-se o tempo tambem em que nem todo mundo poderia se intitular pastor.
E por ultimo digo: Foi-se o tempo em que o amor e a palavra cristã estava acima de materias baixas e escandalosas.
Misericordia senhor, marata!

Anselmo Melo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anselmo Melo disse...

Rebeca, realmente todos os dias nos deparamos com coisas chocantes. Por exemplo, pessoas mal amadas, rancorosas, que acham que podem julgar e condenar o trabalho de alguém por conta de uma postagem que lhe desagradou. Foi-se realmente o tempo que as pessoas tinham educação, tinham respeito por um Pastor. Agora um tempo que me parece que "nunca vai" é esse que vivemos.Tempo em que pessoas que se acham melhores que as outras e ainda se julgam no direito de julgar e condenar alguém que sequer conhecem.
Antes de clamar por "maranata", (se é que a Sra. conhece o significado da palavra), deveria cuidar de sua vida, de seus modos, de sua língua ferina e demoníaca ou na volta de Jesus a Sra. certamente fica.
Apenas uma curiosidade, em qual categoria de pessoa a Sra. se enquadra? Curiosa, desatarefada ou ambas?
Eu não me digo Pr. Sra. Rebeca, eu sou Pastor, formado e ordenado por um presbitério. E a Sra.? Quem pensa que é? Por acaso deu-se ao trabalho de ler os outros 1.263 artigos publicados no blog para depois me chamar de sensacionalista?
Que Deus tenha mesmo misericórdia, principalmente das pessoas que tem o desprazer de estar em companhia de uma pessoa tão arrogante e sem educação.

suzy xcsaf disse...

Isso não é coisa de homossexual e sim de uma pessoa mentalmente doente,já tiveram casos envolvendo mulheres heteros que introduziram uma garrafa na vagina etc.

Adrielle Krauchuki disse...

"Rebeca, realmente todos os dias nos deparamos com coisas chocantes. Por exemplo, pessoas mal amadas, rancorosas, que acham que podem julgar e condenar o trabalho de alguém por conta de uma postagem que lhe desagradou. Foi-se realmente o tempo que as pessoas tinham educação, tinham respeito por um Pastor".

Coragem você falar de respeito perante um post ignorante e odioso como este
Mesmo assim, vamos lá!

De acordo com pesquisas simples...

"Homossexual: relativo a homossexualidade".

"Homossexualidade: Homossexualidade, também chamada de homossexualismonota 1 (do grego antigo ὁμός (homos), igual + latim sexus = sexo), refere-se à característica ou qualidade de um ser (humano ou não) que sente atração física, estética e/ou emocional por outro ser do mesmo sexo ou gênero".

Ok!
Agora gostaria de saber onde entram os brinquedos e o... peixe(?) nessa história, senhores santos odiosos (afinal, não vi AMOR DE DEUS ou AMOR DE QUALQUER COISA nesse post! rs)

Sabe-se que o homem sente prazer pela próstata, homossexual ou hetero. Se pesquisar mais um pouco verá que em alguns casos os objetos são encontrados no intestino de "senhores pais de família".
Vish, e agora?

Religiosos vomitam besteiras odiosas sobre homossexuais e esperam o que? Amor?
Começo a refletir sobre o que realmente é doença: homossexualidade ou fanatismo religioso (odioso).

Grata!

Beijos de luz!

Anônimo disse...

Estranho a quantidade de vezes que você repete a palavra "odioso" mas td bem. Tanta revolta e palavras desconexas que não fazem junção a uma opinião firme, senhorita.Sua opinião soa apenas como revolta em um tom um pouco "odioso" para com o autor do post. Sinceramente, a mim ficou claro que o alvo não são os homossexuais em si, e sim suas práticas estranhas como enfiar um peixe no rabo. Tens que concordar que não é normal e tudo que não é normal está sujeito a críticas (leia-se opiniões). Se fosse comum enfiar peixe o anus venderiam peixes em Sexy shops e etc. Este vitimismo fingido chega a ser irritante.

Anselmo Melo disse...

Sinceramente tive até vontade de responder a dita cuja, mas, logo desisti. Não vale a pena.

Anônimo disse...

Provavelmente deve ser uma pessoa com complexo de identidade. Perceba que a mesma em momento algum em sua resposta se refere ao assunto do post em si, preferindo arrotar palavras chulas com relação ao homossexualismo.
Parabéns ao autor do post, afinal retratou bem a quantidade de casos CADA VEZ MAIS BIZARROS feitos por pessoas malucas. Sinceramente, o que deve ter de prazer em enfiar um peixe no anus? Meu Deus! Até entendo que uma pessoa pode amar outra do mesmo sexo, se sentir atraída também é passível de entendimento, agora isso? O mundo está se tornando em um circo de horrores, tipo tá na moda ser feio, saca? Pra se destacar e "enfrentar" a sociedade e seus costumes, está na moda fazer o que for necessário para ferir a moral e a ética familiar.
Não sou senhor dos bons costumes, tão pouco me acho dono da razão, mas a verdade é que essas pessoas se comportam de maneira cada vez mais parecidas com as feministas (mulheres cujo por seus direitos lutaram em 1980 e agora existem apenas para reprimir os Homens). A intenção é reprimir, é confrontar para que fiquemos intimidados e passemos a aceitar de forma passiva todos os direitos que eles acharem que devam ter.

Isso é doença.

Boa tarde a todos e fiquem com Deus.

Real Time Web Analytics
Template personalizado por Elaine Gaspareto

TOPO ▲