Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O CRISTIANISMO QUE CRIOU SEU PRÓPRIO INIMIGO

Em Notes Towards de Definitions of Culture [Observações sobre as definições de cultura], T. S.  Eliot afirmou que apenas uma cultura cristã poderia produzir um Voltaire ou um Nietzsche. Para explicar essa opinião ele escreveu:
A força dominante na criação de uma cultura comum entre os povos, sendo que cada uma deles possui uma cultura distinta, é a religião. Por favor, a esta altura não cometa o erro de interpretar equivocadamente o significado do que eu digo. Não se trata de uma conversa sobre religião. Não estou afirmando isso para provocar ninguém; estou apenas constatando um fato. Não estou tão preocupado com a atual comunhão dos crentes cristãos; falo sobre a tradição comum do cristianismo, que fez da Europa o que ela é, e sobre os elementos culturais comuns que esse cristianismo em comum trouxe com ele.
Ele prossegue, dizendo:
É no cristianismo que nossas artes se desenvolveram; foi no cristianismo que as leis europeias foram (até recentemente) fundamentadas. É sobre um cenário cristão que todo o nosso pensamento encontra relevância. Um cidadão europeu pode não crer que a fé cristã é verdadeira, ma tudo o que ele diz e faz é resultado de sua herança a cultura cristã, e depende dessa cultura para fazer sentido.
Umas das características mais curiosas dos pensadores seculares de nossa sociedade é que eles adoram os benefícios gerados a partir de uma cosmovisão cristã na formação da cultura, mas, ao mesmo tempo, desejam se libertar dos mesmos conceitos que moldaram sua maneira de pensar. É dentro de uma nação formada a partir de uma mentalidade cristã que valores como liberdade, verdade, autonomia e escolha possuem valor inestimável. Esse ambiente é ideal para o ateu, o secular, o filósofo, o antagonista e até para aqueles que detestam Deus. A liberdade pessoal de casa um para escolher como viver sua vida da maneira que achar apropriada está protegida dentro desse contexto. Eu simplesmente não consigo ver esse tipo de liberdade intelectual dentro do comunismo ou de qualquer outra religião do mundo. Na verdade, é possível dizer que o oposto é verdadeiro: que o poder do éthos* - nascido a partir da fé cristã – influenciou de modo radical as culturas em todo o mundo de uma maneira positiva.
Erwin McManus
em seu livro Uma Força em Movimento
*Éthos (s.m.) 1. conjunto dos costumes e hábitos fundamentais, no âmbito do comportamento (instituições, afazeres etc.)  da cultura (valores, ideias ou crenças), característicos de uma determinada coletividade, época ou região [...] 3. conjunto de valores que permeiam e influenciam uma determinada manifestação (obra, teoria, escola etc.) artística, científica ou filosófica.

2 comentários:

Casal 20 disse...

Bárbaro! Que texto maravilhoso. Perpicaz. Pastor Anselmo, surpreendeu-me ver esse texto logo depois de ter lido algo muito semelhante na Norma Braga. O senhor a conhece. Vou deixar o link: http://normabraga.blogspot.com/2012/02/da-serie-o-que-deus-fez-por-voce.html

Agora, seguindo essa linha de raciocínio fica evidente que será o próprio cristianismo que preparará a vinda e aceitação do anti-cristo. Ele sairá do nosso meio ou por causa do bem que fizemos. Vejo que é semelhante à situação da serpente no Éden e da decisão que etava nas mãos de Adão e Eva. Mais ou menos assim: o diabo se aproveita do bem que há para se manifestar. Vejo mais ou menos assim.

Abraços sempre afetuosos.

Fábio.

Pr. Anselmo Melo disse...

@Casal 20 Fábio.Como sempre meu amigo você tem uma percepção extraordinária ao interpretar os textos.Essa parte do trabalho no blog é simplesmente demais.A despeito de tanto lixo publicado aqui e ali também nos deparamos com pérolas como essa.Basta exatamente nos deixar conduzir, uma vez que o texto poderia ser mais longo e deixar pronta a ponte. No entanto, acredito que o melhor da leitura consiste exatamente na capacidade de percepção de quem lê.
Não vi o texto do blog que você mencionou,vou dar uma conferida agora.
Um grande abraço e obrigado mais uma vez por seu carinho quanto ao trabalho apresentado aqui nesse espaço que certamente é seu também.
Paz!

Real Time Web Analytics
Template personalizado por Elaine Gaspareto

TOPO ▲