18/01/2018

Ter fantasias sexuais é pecado? Confira o texto.

Ter fantasias sexuais, usar roupas eróticas. Qual a posição bíblica quanto a isso?
É lógico que tudo depende do tipo de fantasia.

Se você é casada e tem fantasias com o seu esposo de fazer amor em algum lugar diferente, isso não é errado. Da mesma forma o homem, quando pensa e age de acordo com a mesma premissa.
Quanto a usar roupas eróticas, se for só pra você e seu amado, não há problema algum, se for somente para vocês. Use as roupas mais eróticas que puder, abuse da criatividade, pois isso irá contribuir para um maior prazer e intimidade entre o casal.
Há sempre os “mais espirituais” de plantão, aqueles que querem “espiritualizar” tudo que vão vir com essas e aquelas observações negativas. Homens e mulheres criados debaixo de regras rígidas em determinadas denominações evangélicas tem extrema dificuldade em lidar com o assunto em questão.

DEUS não é contra o prazer dentro do casamento. Ele uniu o marido e a mulher em uma só carne para terem amor e respeito um pelo outro, ajudarem-se mutuamente e terem prazer. Não podemos deixar que os excessos do mundo contaminem nossa relação, assim também como não podemos permitir que velhos tabus e conceitos equivocados sobre intimidade nos privem dos prazeres da vida sexual.

“Goza a vida com a mulher que amas, todos os dias de tua vida fugaz, os quais Deus te deu de baixo do sol; porque esta é a tua porção nesta vida pelo trabalho com que te afadigaste debaixo do sol.” (Eclesiastes 9:9 RA)

É claro que também existem limites, coisas que não devemos fazer.

Nosso corpo é o templo do ESPIRITO SANTO e não devemos nos contaminar com prazeres que desagradam ao espírito.

Cuidado com o tipo de fantasia, pois o inimigo quando não consegue nos derrubar de um lado tenta do outro. Mas nosso Deus é poderoso para lhe ajudar a vencer a todas as tentações.

Ter relação com mais pessoas juntamente com o esposo, ou sexo grupal, desagrada a DEUS. É pecado de lascívia e adultério.
“Que o casamento seja respeitado por todos, e que os maridos e as esposas sejam fiéis um ao outro. Deus julgará os imorais e os que cometem adultério.” (Hebreus 13:4 NTLH) 

“Pois esta é a vontade de Deus: A vossa santificação, que vos abstenhais da prostituição; que cada um de vós saiba possuir o próprio corpo em santificação e honra, não com o desejo de lascívia, como os gentios que não conhecem a Deus;” (1 Ts 4:3-5 RA)

Mulher:Dê o máximo de carinho ao seu esposo. A Bíblia não é contra isso. 

Homem: Faça o mesmo por sua esposa, fazendo-a sempre se sentir amada, desejada e também respeita. Certamente esse é o desejo do Pai eterno.
Pr Anselmo Melo


Author Image

Anselmo Melo
Anselmo Melo, Carioca, casado e pai de três filhos (herança do Senhor). Pastor Evangélico e empresário. Moro atualmente no Estado de São Paulo onde pastoreio a Igreja de Nova Vida em Limeira. Sou fundador e presidente da Associação Projeto Resgate Vida.

5 comentários:

  1. Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai. Filipenses 4:8

    Entendo que pensar na minha esposa, desejá-la, fantasiar situações e cultivar uma vida sexual saudável é algo honesto, justo, puro, amável, de boa fama e virtuoso.

    O problema é que muitos cristãos tendem a condenar qualquer forma de prazer que não seja absolutamente espiritual, e acabam por criar cargas desnecessárias para eles mesmos e para outros.

    Sou pai, e meus olhos brilham quando vejo minhas filhas se divertindo em alguma brincadeira saudável. Da mesma maneira, creio que o Senhor se alegra quando vê seus filhos vivendo plenamente, e dentro dos princípios da Palavra.

    Entendo também que ter uma vida sexual saudável e fundamentada nos princípios de Deus é a melhor forma de se enfrentar as tentações dos pecados sexuais ( 1 Cor 7:5-9 ). Se naquela época esta já era a recomendação de Paulo, hoje é vital para o cristão, considerando o quanto o mundo nos assedia com a fácil obtenção do sexo ilícito e da pornografia.

    ResponderExcluir
  2. Concordo com você meu irmão.Obrigado por participar conosco dando a sua opinião sobre o tema.Ela é muito importante.
    Paz!

    ResponderExcluir
  3. Pr Anselmo consegui finalmente acessar os comentários.
    Bem aqui o assunto ficou mais explicao que a pergunta ampla no face, rs,rs.

    Mas minha posição é a mesma: Minhas fantasias são com o meu marido portanto não são pecado; porém se ousar com outro é adultério e adultério é pecado.

    Como não sou santa e não possuo alguns atributos como o perdão a tudo, eu jamais perdoaria adultério e por isso não ouso nem deixar que pensamentos perniciosos rondem pela minha mente, sendo assim se não o faço acredito que meu marido também não.

    Paz e boa noite.

    ResponderExcluir
  4. Concordo com você minha irmã.
    Obrigado por insistir e deixar seu comentário aqui no blog.
    Paz!

    ResponderExcluir
  5. Tenho dúvidas assim se um cristão pode fantasiar em sua mente algo como um objeto por exemplo, na hora h?

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante,
Você pode elogiar ou criticar, observe apenas:

1-Não publicamos criticas de ANÔNIMOS e nem comentários que não estejam relacionados com o assunto.

2-Baixarias e palavrões também não.

3-Nem todas as publicações são de minha autoria e o fato de estarem aqui não implica necessariamente em que eu concorde com todo o teor do post.

4- Quer ser respeitado? Mostre respeito!

Autor


Anselmo Melo, Carioca, casado e pai de três filhos (herança do Senhor). Pastor Evangélico e empresário. Presidente do COPEL, Conselho de Pastores Evangélicos de Limeira. Moro atualmente no Estado de São Paulo onde pastoreio a Igreja de Nova Vida em Limeira. Fundador e Presidente da Associação Projeto Resgate Vida.
Saiba mais →

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *