Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

John Stott morre aos 90 anos e deixa legado

O pastor britânico John Robert Walmsley Stott faleceu nesta quarta-feira, 27, às 3h15 da tarde em Londres, por complicações de saúde relacionadas à idade avançada, o pregador tinha 90 anos. De acordo com presidente da fundação que leva seu nome, Benjamin Homan, Scott estava sentindo muito desconforto ao longo das últimas semanas.
Homan disse que o pastor já vinha se preparando para sua morte nos últimos 15 anos. “Eu acho que ele foi um exemplo impecável para os líderes de ministérios de entregar as coisas para os outros líderes”, disse Homan.

Considerado uma das mais expressivas vozes da Igreja Evangélica contemporânea, o inglês John Stott nasceu em 27 de abril de 1921. Foi um agnóstico até 1939, quando ouviu uma mensagem do reverendo Eric Nash e se converteu ao cristianismo evangélico.
Estudou Línguas Modernas na Faculdade Trinity, de Cambridge. Foi ordenado pela Igreja Anglicana em 1945, e iniciou suas atividades como sacerdote na Igreja All Souls, em Langham Place. Lá continuou até se tornar pastor emérito, em 1975. Foi capelão da coroa britânica de 1959 a 1991.

Stott tornou-se ainda mais conhecido depois do Congresso de Lausanne, em 1974, quando se destacou na defesa do conceito de Evangelho Integral - uma abordagem cristã mais ampla, abrangendo a promoção do Reino de Deus não apenas na dimensão espiritual, mas também na transformação da sociedade a partir da ética e dos valores cristãos.

Em 1982, fundou o London Institute for Contemporary Christianity, do qual hoje é presidente honorário. Escreveu cerca de 40 livros, entre os quais Ouça o Espírito, ouça o mundo (ABU), A cruz de Cristo (Vida) e Por que sou cristão (Ultimato).

4 comentários:

Geovani Figueiredo dos Santos disse...

A paz do Senhor, pastor Anselmo.

O mundo fica mais pobre e os céus ganham mais uma pérola para o acervo particular do Senhor.O pastor Stott foi uma das grandes vozes evangélicos deste século e do outro passado, seus livros muito contribuíram para a fundamentação doutrinária de muitos irmãos na fé em todo o mundo. Nunca conheci o irmão Stott pessoalmente,mas escrevo este comentário com lágrimas em meus olhos.

Perdemos recentemente David Wilkerson e agora John Stott. Pouco a pouco Deus está tirando os seus grandes pilares deste mundo. Estou me sentido orfão. Que arrebatamento logo aconteça, para que possamos encontrá-los nas nuvens do céu em glória juntamente com todos os santos de todos os séculos.Maranata!

Anselmo disse...

A paz querido irmão Geovani.
A Igreja perde um homem que sem dúvida alguma foi referencia moral e espiritual para todos nós.Como bem lembrado pelo irmão ainda estamos de luto pelo querido Pastor David.São homens que marcaram uma época e a história de muitos de nós.
Seria isso um sinal de Deus para nós?
Paz!

Pr Alex disse...

Querido Pr Anselmo, a paz!!

Apesar do atraso, agradeço pela notícia, embora triste!! Concordo com as suas palavras e a do irmão Geovani nos sentimos duplamente orfãos. Somente me pergunto, é possível, pelo menos, nos esforçar para continuar o que eles, como tantos outros, começaram?? Creio que podemos fazer o mínimo! Que Deus os receba em honra pelo que fizeram; e que se levantem, em nome de Jesus, outros Stott's e Wilkerson's. É o meu desejo! É o que precisamos, é o que o mundo precisa!!

Não tenho comentado tanto, mas tenho acompanhado sempre. Que Deus continue lhe abençoando Pr.

Grande abraço.

Pr Alex.

Anselmo disse...

Podemos sim Pr Alex,certamente é o que o Senhor da glória espera de nós.Que nos levantemos ousadamente fazendo diferença em nossas geração.Obrigado por aparecer.Paz!

Real Time Web Analytics
Template personalizado por Elaine Gaspareto

TOPO ▲