Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fui censurado!!!

Você alguma vez já sentiu o gosto amargo da censura? Se não, quero compartilhá-lo agora com você.
É a coisa mais ordinária e baixa que uma instituição, pessoa ou veículo de comunicação pode infringir a outra pessoa ou grupo. É amargo mesmo. A Constituição Federal assim declara:
Constituição brasileira de 1988
§  Art. 1º A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:

§  V - o pluralismo político
§  Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, liberdade,igualdade, segurança e a propriedade, nos termos seguintes:
§  IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
§  VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;
§  IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença
§  Art. 220º A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.
§  § 2º - É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.

Publiquei em meu blog e divulguei em redes sociais uma “Carta Resposta” ao Deputado gay Jean Wyllys, o teor da mesma trata do PL122, um projeto de lei que fere a Constituição Federal principalmente no que diz respeito à liberdade de expressão, conferindo a um grupo privilégios absurdos.
A matéria teve uma repercussão inédita aqui no blog triplicando em um único dia a quantidade de acessos. Certamente ela foi lida por vários deputados, inclusive o citado. Afirmo isso por que disponho de sistemas de monitoramento.
A mesma matéria foi também publicada no JB-WIKI (Jornal do Brasil) onde também tem sido acessada por dezenas de leitores.
Hoje, quando tentei acessar minha página no FACEBOOK tive a “grata” surpresa, meu perfil foi excluído, deletado sem deixar rastros, sem qualquer aviso, sem qualquer justificativa.
Isso tem acontecido de maneira sistemática com quem se opõe a aprovação do PL122 e que usam os meios de comunicação que dispõe para denunciar os abusos cometidos pelo deputado gay Jean Wyllys e sua tropa gayzista. Fazem parte também do grupo figuras conhecidas como a ministra dos “direitos humanos” Maria do Rosário, autora do famigerado projeto e também a senadora e madrinha dos movimentos gayzistas Marta Suplicy.
Há algum tempo publiquei uma denuncia sobre o acordo do FACEBOOK com tais grupos, o problema é que muitos ainda pensam que essa gente esta brincando, pois não estão. Eles querem cercear nossa liberdade e em uma ação ordenada encontrarem motivos para perseguir cristãos e a Igreja.
Ontem foram outros irmãos, como por exemplo, o Julio Severo, hoje fui eu, amanhã será você a Igreja de Cristo e as famílias decentes de nossa nação.
Preciso contar com sua ajuda para denunciar isso, somos muitos e temos voz. Precisamos chamar à atenção de pessoas de bem para que essa barbaridade chamada censura seja denunciada e desmascarada. Denuncie em seu blog, nas redes sociais, publique na sua pagina do FACEBOOK o que essa gente anda fazendo. Nossa Constituição esta sendo ultrajada por essa gente.
Que Deus nos oriente e tenha misericórdia do nosso Brasil.
Pr Anselmo Melo
No Facebook você pode se conectar e compartilhar o que quiser com quem é importante em sua vida.

Entrar no Facebook
Parte superior do formulário
Conta desativada
Sua conta foi desativada. Caso tenha dúvidas, visite nossa página de perguntas frequentes aqui .
E-mail:
Senha:
Mantenha-me conectado

FACEBOOK FAZ PARCERIA COM ORGANIZAÇÕES GAYS, PARA DETER COMENTÁRIOS DESCRIMINATÓRIOS!!!

WASHINGTON (EUA) 21 de outubro de 2010: O site de relacionamentos sociais Facebook, fez parceria com uma lista de importantes organizações de ativistas homossexuais, para começar as operações de uma Rede de Apoio aos homossexuais, em campanha para remover expressões e importunações discriminatórias.
Mas, as organizações pró-família estão expressando preocupações sérias com o modo como esse sistema foi organizado, pois algumas organizações homossexuais, exigem não somente a remoção de expressões legitimamente violentas e discriminatórias, mas também a censura de declarações que meramente critiquem o comportamento homossexual.
O Facebook, anunciou recentemente que estava lançando uma Rede de Apoio depois que uma página do Facebook estabelecida para desestimular importunações anti-homossexualismo e para comemorar a recente morte de seis homossexuais por suicídio recebeu comentários vulgares e obscenos.
A Rede de Apoio incentiva os usuários a denunciar comentários “de ódio” ao Facebook, os quais então serão deletados pelo site, e dá instruções sobre como impedir tais comentários de ocorrerem em primeiro lugar, tais como bloquear perfis, denunciar importunações, dar apoio para outros.


Veja abaixo as organizações:
1) "Thin Line” da MTV;
2) Aliança Gay e Lésbica contra a Difamação (conhecida pela sigla em inglês GLAAD);
3) Campanha pelos Direitos Humanos (organização homossexual, cuja sigla em inglês é HRC); 
4) Projeto Trevor;
5) Rede de Educação Gay, Lésbica e Hetero (conhecida pela sigla em inglês GLSEN); 
6) Pais, Famílias & Amigos de Lésbicas e Gays (conhecida pela sigla em inglês PFLAG).

Tony Perkins, presidente do Conselho de Pesquisa da Família, denunciou a parceria, expressando preocupação de que organizações como GLAAD poderão realmente tentar usar sua influência para pressionar o Facebook a adotar uma definição mais ampla de expressão de ódio.
Jarrett Barrios, presidente de GLAAD, indicou que as iniciativas do Facebook, são apenas “um primeiro passo importante”, e Tony Perkins diz que crê que GLAAD trabalhará para expandir a definição de expressão de ódio além de ataques de ódio para incluir qualquer expressão que critique a conduta homossexual. “Poderá ocorrer lentamente, mas garanto que o Facebook começará a ampliar sua definição do que é ‘discriminatório’ com base em ações que GLAAD fez no passado”, disse Perkins.

O líder pró-família se referiu à campanha de GLAAD para bani-lo da página editorial do jornal Washington Post, depois que ele escreveu uma coluna onde disse que a culpa pelo bullying, deveria ser jogada sobre os próprios indivíduos que cometem o bullying e não nos cristãos que frequentam igrejas, os quais acreditam que a conduta homossexual é errada, mas afirmam a bondade da pessoa.
Tony Perkins, deixou claro nesse artigo que os cristãos condenam o bullying e a violência contra os homossexuais, e disse que a compaixão cristã os motiva a buscar afastar os homossexuais de condutas “autodestrutivas”. Contudo, GLAAD disse para seus seguidores: “Tony Perkins, culpa as recentes tragédias de suicídios entre adolescentes nas próprias vítimas” e acusou o Washington Post, de fazer de suas páginas editoriais uma “plataforma para um ativista antigay”.
Tony Perkins, avisou que a parceira do Facebook com GLAAD “é algo que merece muita preocupação, pois coloca o Facebook no rumo cada vez mais forte dos meios de comunicação para a censura. Como a grande imprensa, eles estão sucumbindo às pressões para silenciar a liberdade de expressão”.
O jornal Daily Caller (TDC), respondeu à parceria apontando para o fato de que o Facebook, hospeda muitos sites que dirigem desejos de ódio ou morte para Rush Limbaugh, proeminente apresentador de programa de rádio conservador.
Andrew Noyes, porta-voz do Facebook, tentou explicar para o TDC, o que parecia ser um padrão duplo, dizendo que “declarações diretas de ódio contra determinadas comunidades violam nossa Declaração de Direitos e Responsabilidades e são removidas quando denunciadas a nós. Contudo, organizações que expressam uma opinião sobre um estado, instituição ou conjunto de crenças — ainda que essa opinião seja ultrajante ou ofensiva para alguns — por si não violam nossas políticas. Quando uma organização criada para expressar uma opinião se envolver em expressões discriminatórias, nós removeremos os comentários odiosos e poderemos até remover a própria organização”. (Veja a reportagem do jornal Daily Caller aqui.)

Fonte: Peter J. Smith


Obs: Por favor, alerte, repasse e informe os seus contatos!!!


   

26 comentários:

disse...

Coloco amanhã hoje não da pra eu divulgar pois é dia do Marcello meu colunista não posso ultrapassar o seu dia, se não mato o texto dele. Mas maninho vc tem certeza que foi o Facebook que excluiu seu face?? olhe direito. Pois se foi o negócio ta feio mesmo hein??

disse...

JÁ FALEI NO TWITTER

Fábio José Lima disse...

Graça e Paz Pr. Anselmo,

Em primeiro lugar gostaria de me solidarizar com o senhor, não pode haver este tipo de comportamento.
Em segundo lugar, entendo que o que até agora foi publicado pelo A Pedra, e compartilhado no Facebook, não é material ofensivo e sim material expondo seu ponto de vista sobre o assunto.
Entendo que o senhor está agindo dentro da legalidade, exercendo um direito seu, garantido pela legislação vigente em nosso país.
Estou entrando em contato com os amigos da blogosfera cristã, já coloquei o link lá no blog.
Vamos orar, sabíamos que a mobilização não ia ser fácil, uma hora ou outra a coisa ia explodir...
Fica na Paz.

Anselmo Melo disse...

Foram eles sim.Já entrei em contato com o suporte deles, ficaram de me dar uma resposta, uma justificativa.Só que tenho certeza que foi censura mesmo.Tenho recebido alguns ataques ataques de vírus quando faço logim para postar no blog.

Anselmo Melo disse...

Obrigado irmão Fábio por sua ajuda e solidariedade. Precisamos estar juntos nessas horas.Essa gente precisa perceber que somos um povo,o povo do Deus altíssimo, que não vai se acovardar nunca diante dos ataques de satanás contra a Igreja.Conto com o irmão, com os recursos que o irmão dispõe e suas orações.
Paz!

Anderson Rogerio Andujar disse...

Estou contigo meu amigo, vou divulgar na minha página no face, força e coragem.

Maior é o que está conosco do que o que está com eles...

Paz.

Missionária Bella Dourado disse...

Absurdo!
Qualquer que seja a falta de intolerância é absurda.
Ninguém tem o direito de cercear a comunicação de ninguém.
Se não gostamos de algo em nossas páginas temos o direito de não publicar mas os outros? Isto é como um assalto , deve haver algum recurso jurídico que seja passivel de processo.

Anselmo Melo disse...

Obrigado a todos os irmãos por suas manifestações de carinho. Estamos juntos.Jeová Nissi!!!

CONFERENCISTA RICARDO RIBEIRO disse...

Estamos juntos parceiro, prá o que der e vier!

Marcello Comuna disse...

Anselmo,

Acabei de publicar o seu texto no meu blog.

Estamos juntos irmão!

Rita lemes disse...

Irmão Anselmo,a Paz seja contigo.
Ja está as portas o tempo do fim,exultemos!

Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus;
Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa.
Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram os profetas que foram antes de vós.

Tem meu apoio,estarei publicando seu texto,desejo que tenha perseverança,e estamos todos na mesma causa,pela reta justiça!

Paz e bem, no amor e na verdade do nosso Redentor Yahushua!

Anderson Rogerio Andujar disse...

Nada temas das coisas que hás de padecer. Eis que o diabo lançará alguns de vós na prisão, para que sejais tentados; e tereis uma tribulação de dez dias. Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida. Apocalipse 2:10

Pastor Giovani e Missionária Delair disse...

Amados irmão,

Se for preciso, as pedras clamarão... disse Jesus!

Continue pregando a Palavra!

Deus te honrará!

A Paz, missionária Delair.

Cristianismo & Política disse...

Absurda mais esta ação de censura gayzista e anti-cristã.

Solidarizamo-nos com o Pr. Anselmo e com todos que são vítimas da furiosa guerra declarada pelos inimigos do Cristianismo e da democracia.

Casal 20 disse...

Estamos juntos!

Em Cristo, a Paz que excede todo entendimento esteja contigo, meu irmão Anselmo.

Já postei no nosso blog.

Anselmo Melo disse...

Obrigado mais uma vez por tudo meus irmãos.Estamos juntos.

Jackie disse...

A gaystapo é covarde e usa 2 pesos, 2 medidas

Que Deus te abençoe, Pastor Anselmo!
Que Deus te oriente e te guarde na palma de Sua poderosa mão!!!!

Anselmo Melo disse...

Obrigado pelo apoio e por prestigiar nosso trabalho. Que Deus abençoe sua vida ricamente.Paz!

Anônimo disse...

Olá Pastor,
obrigado por sua coragem e ousadia. Oxalá tivessemos mas discipulos do Senhor Jesus com estas características,pois, a Palavra nos adverte que os tímidos não herdarão o reino dos céus. Esta batalha precisa ser ganha nos lugares celestiais. Por isso estou conclamando a todos os intercessores desta nação que:
1)Se identifiquem com os pecadores;
2)Amem incondicionalmente, pois Deus não faz acepção de pessoas;
3)Confessem pecado do homossexualismo nesta nação;
4)Peçam perdão ao Senhor por este pecado abominável.
Juntos somos mais fortes naquele que nos fortalece!
E vamos à luta, mobilizando anjos, principados e potestades em favor do reino de Deus.
Abraços
L.G.F.

Anselmo Melo disse...

Bom dia L.G.F.
Obrigado por seu comentário.Estamos em "guerra", não contra carne e sangue, nossa luta é contra a abominação do pecado.E,a oração sem dúvida alguma é a nossa melhor arma!
Paz!

Katia Medeiros disse...

Estou postando no meu facebook ...
Deus nos Proteja e nos dê Sabedoria !!!
Deus eu te Amo !!!!

ministerio bereia angola disse...

A biblia diz que o mundo e as pessoas iriam de mal a pior. portanto acho que devemos apenas orar porque o fim está proximo, apesar de continuarmos a lutar, devemos saber que as só vão piorar a medida que o fim vai se aproximando.
Manuel Dilandamoko/Angola

Anselmo Melo disse...

É verdade irmão Manuel.Daqui para frente a luta se agrava, o homem vai mesmo de mal a pior.Paz!

Bp. Jéferson Fabiano Candido disse...

É Tipico do Gaysmo Censorar, amordaçar, torturar e por ai afora que não convém nem citar

Anônimo disse...

"um projeto de lei que fere a Constituição Federal principalmente no que diz respeito à liberdade de expressão, conferindo a um grupo privilégios absurdos."

Para manter seu argumento mais convincente, também deveria escrever uma carta contra o Estatuto da Criança e do Adolescente, a Lei Maria da Penha, o Estatuto do Idoso e tudo mais que confere privilégios a um grupo específico. Por que não o faz? Por razões religiosas? Mas a lei não se baseia na religião, seria privilegiar um grupo específico, no caso os religiosos.

Anselmo Melo disse...

Anônimo.
O estatuto da criança e do adolescente e a Lei Maria da Penha não fere o direito de expressão de ninguém.Você esta como diria minha avó "confundindo alho com bugalhos".
Aconselho que você releia o texto e a qual direitos ilegítimos ele se refere.Quer discordar, discorde, mas apreça com argumentos sólidos e validos.

Real Time Web Analytics
Template personalizado por Elaine Gaspareto

TOPO ▲