Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ensino homossexual nas escolas


Chamem de homofobia, chamem do que desejarem, mas eu não vou me calar diante desse absurdo, não vou assistir de braços cruzados a derrocada total da família brasileira cristã desse pais. O que virá depois do kit gay? Qual a próxima ação desse governo promíscuo e sem compromisso com a moral e a ética? Você alguma vez teve a curiosidade de ver fotos de uma parada gay? Você simplesmente sentira nojo da promiscuidade que impera ali. Se nos calarmos em breve veremos a "ala infantil" na parada gay.

Estão querendo transformar o Brasil na Sodoma sul americana. Até quando pessoas de bem e com influencia política permaneceram caladas e na inércia assentindo com essa barbaridade?
Pr Anselmo Melo
Abaixo texto do Dep.Jair Bolsonaro 

 Sr. Presidente, meus companheiros, quero tratar de um assunto que, no meu entender, em 20 anos de Congresso Nacional, é o maior escândalo de que já tomei conhecimento. Não tem nada a ver com corrupção. Afinal de contas, esse é um tema corriqueiro neste Governo.Na semana passada, Givaldo Carimbão, reunida na Comissão de Direitos Humanos e Minorias em conjunto com a Comissão de Educação, com a presença do Sr. André Lázaro, Secretário de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade do MEC, esteve uma platéia composta de gays, lésbicas, bissexuais, travestis, transexuais e transgêneros.
 Essa turma toda reunida tomou decisões de que esta Casa não está sabendo. E digo mais: a maioria dos integrantes da Comissão de Educação também não está sabendo dessa decisão.
Atenção, pais de alunos de 7, 8, 9 e 10 anos da rede pública: no ano que vem os seus filhos vão receber na escola um kit cujo título é Combate à Homofobia. Na verdade, é um estímulo ao homossexualismo, é um incentivo à promiscuidade. Esse kit contém DVDs com duas historinhas que seu filho de 7 anos vai assistir no ano que vem caso não tomemos aqui uma providência agora.


Primeira história:

um garoto de mais ou menos 14 anos, de nome Ricardo, vai ao banheiro fazer pipi, olha para o lado, vê um coleguinha dele fazendo também e se apaixona por esse colega. Vocês da galeria estão ouvindo? Isso está no Jornal da Câmara da semana passada. Pode ser o filho de vocês um dia. Ele se apaixona, resolve vencer o bullying e assumir sua homossexualidade. Os garotos de 7, 8, 9 e 10 anos vão assistir a esse filme no ano que vem.
Bem, dali para frente as cenas do filme. Quando a professora o chama de Ricardo na sala de aula, ele se revolta, morde os beiços com seus trejeitos e balbucia: Bianca. Meu nome é Bianca. No final, esse filme dá a seguinte lição de moral: esse comportamento do Ricardo ou da Bianca passa a ser um comportamento exemplar para os demais alunos. 

Segunda história:

Depois há outro filme de duas meninas lésbicas, de aproximadamente 13 anos de idade, namorando. E a grande discussão da Comissão de Direitos Humanos e Minorias — sinto asco ao me referir a esta Comissão — é tratar do beijo lésbico de duas meninas.


Atenção, pais: sua filha de 7, 8, 9 ou 10 anos vai assistir no ano que vem a esse filmete, que já está sendo licitado. E a grande discussão da nossa Comissão de Direitos Humanos e Minorias é a profundidade em que a língua de uma menina tinha que entrar na boca da outra menina.

Dá para continuar discutindo esse assunto? Dá nojo!



Esses gays e lésbicas querem que nós, a maioria, entubemos, como exemplo de comportamento, a sua promiscuidade. Isso é uma coisa extremamente séria. Eu não acho, não, o Presidente da Câmara dos Deputados tem que tomar providências no tocante a esse assunto — nós não podemos nos submeter ao escárnio da sociedade — , esse kit, destinado a crianças de 7 a 12 anos, ser distribuído no ano que vem para 6 mil escolas públicas do Brasil. Isso é uma vergonha!


 Comissão de Direitos Humanos, não, Comissão... Para não ser advertido pelo discurso, vou poupar o adjetivo para essa Comissão. Eles querem inclusive me excluir da Comissão, sob a alegação de ser eu um elemento anti-democrático.


Então, essa história de homofobia é uma história de cobertura para aliciar a garotada, especialmente os que eles acham que têm tendências homossexuais — está na pesquisa, publicada aqui, o número de garotos gays ou meninas lésbicas, repito, de 7, 8, 9 e 10 anos.
 Pelo amor de Deus, meus colegas que estão nos gabinetes! Pelo amor de Deus! Daqui a pouco vem aqui um cidadão dizer que estou mentindo. Está publicado no Jornal da Câmara, está publicado no Correio Braziliense, está publicado em vários jornais do Brasil o que está acontecendo.

Ontem eu gravei no programa da Luciana Gimenez. É um tema que... Não me agrada falar em homossexual. Eu realmente assumo o que falei na TV Câmara: se um garoto tem um desvio de conduta logo jovem, ele tem que ser redirecionado para o caminho certo, nem que seja com umas palmadas.

Acusam-me de ser violento, mas não sou promíscuo, não sou canalha com as famílias brasileiras!

Muito obrigado, Sr. Presidente.

Deputado Jair Bolsonaro


   












6 comentários:

Pb Uilton disse...

Graça e Paz
Realmente isto nos preocupa,pois para nos que temos filhos nas escolas publicas, não queremos ver nossos filhos sendo ensinado e estimulado a ser homossexual, pois agora o que mais ele querem é estimular as crianças a não ter vergonha de assumir a sua homossexualidade.vamos orar e combater no Nome de Jesus.

Em Cristo



Pb Uilton

disse...

Que coisa mais ridículas estas fotos mano, Pessoas que mais parecem com os rostos deformados que horror, pessoas que destroem suas verdadeiras características, ficam feios demais, este é o peso do pecado, destroem a aparência que Deus os deu? paz!

Pb. Antonio Donizete Pereira disse...

Hove tempos em que ser Brasileiro nos trazia uma certa grandeza de alma, pois vivemos em um dos paises de melhor qualidade de clima, liberdade de expressão, de comodidade de vida, onde podíamos criar os nossos filho de uma maneira digna e exemplar, porem agora com os nossos novos dirigentes (mais recentes) e responsáveis pela legalidade das diretrizes do nosso agora tão sofrido Pais, tenho medo de ter-mos que nos sentir um tanto constrangidos de nos declarar filhos desta terra.
É pena, porem devemos nos ater a este terrível fato.
Temos que estar preparados para dizer-mos; ...Ora vem Senhor Jesus!

Anselmo Melo disse...

Pb.Antonio.
Concordo plenamente com o irmão. Aliás, estes é um dos sinais da volta do nosso Senhor, a multiplicação da iniquidade. Porém não devemos nos calar.

Anselmo Melo disse...

Pois é Rô, e eu tive o cuidado de escolher algumas "mais leves". Sinto nojo disso tudo, ele não tem respeito por ninguém e nenhum pudor.E, ainda querem ser respeitados e tratados como perseguidos e "pobres coitados".
Na maioria das vezes vivem na promiscuidade total, um bando de pervertidos querendo impor normas de conduta para o restante da sociedade.

Anônimo disse...

Eu realmente fico impressionada a cada dia que passa com o Brasil,em vez de progredir estão regredindo a cada dia que passa,ve se num destes países de primeiro mundo como a França onde eu vivo aparece umas porcarias destas nas escolas?Em vez de se preocuparem com a violência que é a maioria das noticias que mostram do Brasil cá pra fora,ou educação,saúde preocupam-se com estas porcarias que só regridem a imagem desse pais.E depois o Brasil ainda quer ter o direito de reividaicar algum respeito junto com outros países desenvolvidos do mundo.Não sei sociedade querem deixar para as crianças no futuro?

Real Time Web Analytics
Template personalizado por Elaine Gaspareto

TOPO ▲