Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

A Igreja dos fracassados e imorais

A igreja que não aceita pessoas falhas e o fato que deve existir em favor delas nega explicitamente o evangelho da graça.Tal igreja excludente não merece nem a misericórdia de Deus, nem a confiança dos homens.

A igreja deve ser consciente que sua fé é fraca, que não tem todas as respostas em si mesma, que recua e se isola do mundo quando lhe convém, que sua indiferença a torna culpada de um modo ou de outro de todas as injustiças sofridas e cometidas pelos homens.


Mesmo sendo verdade que a igreja deve se separar da perversidade ela nunca poderá oferecer qualquer respaldo ou pretexto para a supressão e distanciamento de qualquer homem ou mulher.

A igreja que ostenta sua hipocrisia perante os homens fracassados, daqueles que perderam sua fé e imorais não será justificada no Reino, por que esta apartada da graça.


Contudo a igreja que se esvaziar do preconceito discernindo os seus cômodos fracassos, distinguindo suas imperfeições e se mortificar em favor dos esquecidos. Será conhecida como verdadeira igreja do Reino de Deus.

A esta igreja fracassada, humilhada e imoral é dada a promessa de que será enlevada na verdade e justiça do Pai.

A igreja onde não se inclui e abriga excluídos morais e sociais não compreende sua própria identidade e o propósito da sua existência, sendo gritante o seu erro de rejeitar as pessoas que Cristo aceita.

A igreja que não ajunta espalha quando exclui os profanos e miseráveis aceitos pela graça, quando decreta sentenças duras, censuradoras e implacáveis, quando determina a comunhão da ceia só para alguns, quando nega o batismo em desconfiança a confissão de fé do individuo, quando nega a participação no evangelho por supressão e anteposição moral.

Desse modo estamos estabelecendo um jeito totalmente profano e indigno de se preocupar com as obras.

Portanto a igreja só irá progredir na verdade quando compreender de fato que um santo não é alguém bom e de boa aparência e sim um miserável, fracassado e imoral que experimenta diariamente a bondade e a graça de Deus sem nunca ter merecido.


Por Marcos Alcantara.







10 comentários:

Rita disse...

Paz,
E Jesus, respondendo, disse-lhes: Não necessitam de médico os que estão sãos, mas, sim, os que estão enfermos; Lucas 5:31

Porque, para com Deus, não há acepção de pessoas. Romanos 2:11

ótimo texto,a igreja é um organismo vivo, e como tal deve ser fonte de vida para todos que dela se aproximam em busca de consolo.
Graça e paz!!

Anselmo Melo disse...

Infelizmente parece que muitos se esqueceram dessa verdade Rita. Que sejamos mesmo sal e luz nesse mundo. Obrigado por seu comentário.
Paz!!!

Pr. Carlos Roberto disse...

Prezado Pr. Anselmo Melo,

A paz do Senhor!

A Igreja representa o hospital de Deus aqui na terra, a fim de restaurar os enfermos espirituais.

Sou a favor da disciplina e também aplico quando necessário, porém, entendo que o crente que está em disciplina, é justamente aquele que devemos cobrar maior presença em todos os cultos, afinal deve está sob tratamento intensivo. Se ele é afastado, ficará vulnerável a todo tipo de vírus espiritual e ao ataque do inimigo.

Acobertar pecado é uma coisa, restaurar o pecador é outra.

Parabéns pela postagem!

Anselmo Melo disse...

Querido Pr Carlos Alberto. Confesso até com certa tristeza que estou longe de ser um modelo de homem de oração. Uma coisa no entanto peço ao Senhor da Glória todos os dias, que ele me de sempre discernimento nessa área. Que nunca eu venha confundir essas coisas. Paz e obrigado por sua participação aqui.

disse...

Portanto a igreja só irá progredir na verdade quando compreender de fato que um santo não é alguém bom e de boa aparência e sim um miserável, fracassado e imoral que experimenta diariamente a bondade e a graça de Deus sem nunca ter merecido. PERFEITO.

Maravilhoso este texto Anselmo, Muito bom a igreja tem que começar a se conscientizar disso, que ela é sal e luz na terra, que ela existe para os doentes e para tratar e zelar por eles e não excluir de maneira alguma. Paz. Muito bom!

René disse...

Anselmo,

"Igreja fracassada, humilhada e imoral" é uma definição maravilhosa da Noiva de Cristo, formada por pessoas que se examinam constantemente, para chegarem a essa conclusão, e que se entregam ao senhorio de Jesus, conscientes de que só Ele pode torná-las novas criaturas, perfeitas a ponto de serem apresentadas pessoalmente ao Deus Pai e Criador!

Essa é a Igreja que olha para as pessoas e consegue amá-las, sem fazer nenhuma acepção entre elas!

Muito bom, meu amigo!

Grande abraço e continue na Paz!

Cláudio Nunes Horácio disse...

Excelente post Anselmo, muito bom mesmo, precisamos é desta consciência entre nós. Graça, paz e bem.

Marco Alcantara disse...

Na verdade quem escreveu este texto foi eu.

Fonte: http://lofzion.blogspot.com/

Não ligo para que as pessoas postem em seus blogs os meus textos dou de graça o que recebi de graça.

Mas o minimo que é pedido e o que é de praxe é que citemos a fonte.

Anselmo Melo disse...

Irmão Marcos Alcantara.Quando vi esse texto ele estava postado no seguinte endereço:cartesianofinito.blogspot.com
SE você clicar no título vai ver que existe um link para o mesmo.Lá não existia nome de autor.SE você observar outros posts percebera que sempre existe o crédito a quem de direito, no caso aqui não aconteceu por simples falta de referencia ao autor quando encontrei o post.De qualquer forma peço desculpa pela falta.Paz!

Marcos Paulo disse...

Pastor Anselmo, não vejo nada de mal publicar meus textos.
Já publicaram sem me pedirem autorização, e eu não estou nem aí, o que me interessa é o nome de Jesus Cristo ser glorificado, e que haja, salvação dos perdidos, e que edifique o povo de Deus.
Que bobagem é esta, era meu texto!Voce publicou! Que bobagem isto!
Se publicou foi porque o texto é bom.
A maioria dos textos que já vi publicado nos blogs,não tem o nome do autor; até o livro da bíblia de Hebreus não menciona o autor?
Pastor vejo que os blogs estão virando competição quem tem mais seguidores, e certos tipos de benefícios próprios.
E muitos estão se promovendo em cima dos blogs, para candidatar a política.
Que pena, desperdiçar este espaço que internet nos dá para entrar em intrigas e fazer da dos blogs seu muleto particular para seu ego.
Use o blog para a glória de Jesus, enquanto ainda estão deixando falar da palavra de Deus, porque isto vai acabar em breve!
O evangelho de Jesus, será calado na internet e tv.
Tem um projeto lei no Congresso Nacional, que já está em pauta para votação em breve, para acabar com os blogs e programas evangélicos na tv.
Se dúvidas? Pergunte seu Senador do seu Estado sobre esta nova Lei!

Real Time Web Analytics
Template personalizado por Elaine Gaspareto

TOPO ▲