26/05/2010

Os dois lados de uma mesma moeda



Hoje me deparei com uma matéria do Pastor Renato Vargens em seu blog falando de uma missão ao Haiti.
Motivações à parte, por ser essa uma sondagem exclusiva do Espírito Santo, o texto me fez recordar de um fato recentemente ocorrido aqui na cidade onde moro.
Tocamos um projeto de tratamento de adictos e auxilio as suas famílias.
Envolvi-me em uma campanha para arredar fundos para a internação de alguns jovens, em várias visitas deparei-me com a frieza de coração com que vários colegas de ministério tratam o assunto.
Em particular quero falar de um caso que chamo pelo título desse artigo: Os dois lados de uma mesma moeda.
Recebi um veemente “não”, polido e educado, sim, mas foi um: “Não podemos ajudar”!
Alguns meses depois sobreveio sobre o Haiti a tragédia do terremoto devastador. Centenas de milhares foram vitimadas. O rastro deixado foi de destruição, e que, provavelmente e a despeito dos esforços empreendidos ainda causará muita dor.

Do fato em questão: Olhando um dos jornais locais me deparei com a foto do nobre colega, na matéria, tratavam de uma “missão” empreendida por ele e mais 18 irmãos. Estiveram no Haiti levando na bagagem uma oferta de U$ 30.000,00 (trinta mil dólares). Fotos, slides, testemunhos chocantes. Assim foi o retorno do franciscano grupo as terras tupiniquins.
Hora, o que me fascina no homem é essa capacidade impar de ser hipócrita até mesmo nestas horas.
O que é trinta mil dólares para o Haiti? Um grão de areia no imenso mar, nada, ou quase nada.
Caridade como costumo dizer: Para inglês ver!
Confesso que nunca entendi bem essas missões ao fim do mundo feitas normalmente a despeito da dor e do sofrimento do nosso próprio vizinho.
Espanto-me ainda quando ouço de algum jovem de seu desejo de servir como missionário em terras distantes, mas que, na rua onde mora é incapaz de dar bom testemunho de Cristo.
Creio mesmo na importância de tal ajuda ao povo do Haiti, porém, gostaria mesmo de ver uma igreja disposta em fazer algo para minimizar a dor de tantos brasileiros.
Em Cristo
Pr Anselmo Melo
Author Image

Anselmo Melo
Anselmo Melo, Carioca, casado e pai de três filhos (herança do Senhor). Pastor Evangélico e empresário. Moro atualmente no Estado de São Paulo onde pastoreio a Igreja de Nova Vida em Limeira. Sou fundador e presidente da Associação Projeto Resgate Vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante,
Você pode elogiar ou criticar, observe apenas:

1-Não publicamos criticas de ANÔNIMOS e nem comentários que não estejam relacionados com o assunto.

2-Baixarias e palavrões também não.

3-Nem todas as publicações são de minha autoria e o fato de estarem aqui não implica necessariamente em que eu concorde com todo o teor do post.

4- Quer ser respeitado? Mostre respeito!